Quem não cola não sai da escola

800px-LixoEste é um artigo que trata de um assunto antigo, mas muito atual : a fraude.  o título mostra uma das mais antigas práticas, ensinadas na mais tenra idade e repercutida pelo resto da vida.

Lá pelo meus estudos na gradução em Administração de Empresas, um professor de Mercadologia II disse uma frase lapidar: “Pensar não cheira”. Por muito tempo aquela frase ficando batendo na meu cabeça, pensei o que cheira então? Conclui que copiar, plagiar, falta de criatividade, fraude e corrupção cheira e muito, mal por sinal.

Os maiores pensadores e formadores de opinião tem esta qualidade, pensam, expressam-se, para o o bem o mal, mas vão até o limite de suas qualidades. E uma quantidade imensa seguem, copiam, plagiam. Fazem daquele gesto um rascunho de si próprio. Afinal poupar o esforço da idéia original, interpretação de texto ou de situações cotidianas.

Mexer em time que tá ganhando? Nunca!! Até porque muitas vezes o time ganha por uma série de circustância que não fórmulas de bolo e sim inspiração e criatividade do líder da atividade.

Enquanto a fraude for uma instituição saudada nos primeiros desgraus escolares até os altos escalões da iniciativa pública e privada, continuarem a conviver com a mediocridade. Continuaremos a incentivar a criação de “ratazanas de esgoto”  que devoram tuas idéias, pensamentos e o induzem a acreditar que és capacitados para ter uma “inspiração” que ele usurpou de ti.

Mude o nome e o agente e verás homens públicos e privados louvados como grandes gestores, mas no íntimo (e guardado lá no fundo com sete chaves) ele sabe que é uma fraude, produto de sua mediocridade.

E ai? como está o cheiro agora? dá para respirar?

Comentários

  1. Olá Geraldo querido!
    Sensacional esse texto!
    Infelizmente o ar anda cheirando muito mal...rsrs... Isso porque somos obrigados a ver (e até conviver) com pessoas incapazes de desenvolverem não apenas as suas próprias idéias, mas também a personalidade. Fico pensando aqui sobre as razões que levam pessoas a se apropriarem não apenas de idéias, mas dos sentimentos dos outros. E fazem isso com tanta naturalidade que acreditam estarem fazendo a coisa mais normal do mundo. E nós, seres pensantes, temos que assistir a tudo (mesmo que pasmos) e tentarmos, ainda, encontrar defesas contra esses seres...
    Ah! E ainda há seguidores ou admiradores para essas pessoas!
    A minha mensagem, se me permite, é que as pessoas percebam que cada um vence por seus próprios méritos e eles só podem ser descobertos se cada um der oportunidade que eles venham à tona! Não adianta tentar copiar quem faz sucesso... pode servir de exemplo e aí, cada um adapta ao seu modo, dando ênfase naquilo que tem de melhor.
    Agora... sejam originais e humildes! Reconheçam seus limites e explorem o fértil campo que há no poder de criação humana!
    Grande beijo,
    Jackie

    ResponderExcluir
  2. Amigo
    Tanta coisa nessa nossa vida que não cheira, ou se cheira, ninguem aguenta né?
    Se ha uma palavra antiga, é essa tal de FRAUDE. Como tambem acho que foi fraude quando D.Pedro I gritou independência ou morte nas margens do Rio Ipiranga.
    ahahaha

    bem, no aguardo do bombastico episodio de Sheldon e sua turma.
    abs

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Obrigado por comentar, volte sempre!!!