Economia vacilante, brasileiros na corda bamba

queda do pib
A recessão brasileira se aprofundou neste início de ano. No primeiro trimestre de 2016, o Produto Interno Bruto (PIB) teve queda de 0,3% em comparação com os três meses anteriores, segundo dados divulgados nesta quarta-feira (1º) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Foi a quinta queda trimestral seguida do PIB brasileiro.

Todos os brasileiros estão sentindo o peso destes números com a economia em contração, menos negócios gera menos empregos e/ou retira aqueles que estavam colocados, tudo resultado de falta de confiança do mercado interno e externo, investimentos que fogem, vindos do exterior, que olha com desconfiança as "lambanças" cometidas aqui dentro. 

Só apoiam estas práticas, que ideologicamente estiver interligado a elas, só que isto não enche a panela da população e nem devolvem os empregos retirados.

Sem a retomado do desenvolvimento e sem estancar as "sangrias" de nossa combalida economia, não estamos com um quadro positivo para o desenrolar de nosso país.

E assim, o pessimismo vence a esperança, a não ser que o governo provisório consiga mudar o rumo do "nau" Brasil que está em direção aos "icebergs" e afundar de vez nosso ano.

Como já escrevi aqui, ou reagimos ou sucumbimos, tá na hora de acertar aquela "cesta" de pontos no último segundo do quarto tempo do basquete. É a hora da confiança

Comentários