segunda-feira, 14 de maio de 2012

Alto risco ou segurança?

JPMorgan Chase demite diretora após perdas bilionárias : Ina Drew supervisionava divisão que realizou operações de derivativos (¹) responsável por perdas de pelo menos 2 bilhões de dólares.



[caption id="attachment_266" align="alignleft" width="300"]grafico de derivativo derivativos, oscilações e queda[/caption]

O JPMorgan Chase, maior banco de investimentos dos Estados Unidos, confirmou nesta segunda-feira a demissão da diretora de investimentos Ina Drew após a divisão que ela supervisionava ter realizado operações de derivativos que causaram perdas de pelo menos 2 bilhões de dólares à instituição.


Muitos vezes o administrador financeiro é compelido a pergunta que coloquei no titulo do artigo: Vale a pena correr o risco para ter mais rentabilidade para seus investimentos ou ser conservador (e menos lucrativo) nas suas aplicações financeiras?




(¹) Derivativo é um contrato no qual se estabelecem pagamentos futuros, cujo montante é calculado com base no valor assumido por uma variável, tal como o preço de um outro ativo (e.g. uma ação ou commodity), a inflação acumulada no período, a taxa de câmbio, a taxa básica de juros ou qualquer outra variável dotada de significado econômico. Derivativos recebem esta denominação porque seu preço de compra e venda deriva do preço de outro ativo, denominado ativo-objeto.



Fonte: Veja

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por comentar, volte sempre!!!

Autor

Sobre
Adm. de Empresas, Gaúcho, Parlamentarista e defensor do Voto Distrital Puro. , Saiba mais