A renuncia do lider

Li o excelente artigo do Prof. Stephen Kanitz (sou fã incondicional) Líderes Que Não Renunciam !   cujo pequenos trechos transcreverei aqui...

Li o excelente artigo do Prof. Stephen Kanitz (sou fã incondicional) Líderes Que Não Renunciam !  cujo pequenos trechos transcreverei aqui para ilustrar minha opinião:   

"Renúncia não é um evento inusitado. É coisa normal."  

"O que nos afeta hoje são os líderes brasileiros que não renunciam, apesar de estarem anos no poder." 

"Um verdadeiro líder precisa de menos de 5 anos para implantar as suas idéias pelas quais foi eleito, não 30. 

"Trinta anos atrapalha a geração de novas idéias e o progresso da classe."

Lembro que já falei em lideres em duas postagens no blog: 

 
 A liderança é movida desafios e projetos, não idéias soltas e sonhos que pensamos em realizar, temos um tempo de maturação para saber qual a viabilidade das realizações de seus ideais.

Voltemos ao futebol objeto do meu artigo Lider, professor ou chefe , treinadores são lideres que mesmo não entrando em campo, são os principais  responsaveis pelos resultados. 

Temos  vários exemplos de extremos no Brasil e mundo, treinadores sendo demitidos com dois jogos ou então treinadores que são mantidos na função há décadas, apesar de resultado desfavoraveis

Claro que estes ultimos são treinadores na Inglaterra, no caso os treinadores escocês Alex Ferguson (Manchester United)  e do francês Arsene Wenger (Arsenal). 

Renovação sempre leva a nova idéias e foram elas que tiraram o homem das cavernas. 

Imagine você se o primeiro homem das cavernas achasse que a vida dentro da caverna era o ideal e o fogo não serviria para nada, onde estariamos hoje?? 

Então louvemos que os antigos líderes instruam os novos lideres a assumir suas (novas) responsabilidades pelos (novos) caminhos, logo após passem adiante o bastão. A história com certeza agradecerá..

Você pode gostar também de:

0 comentários

Obrigado por comentar, volte sempre!!!

terça-feira, 12 de fevereiro de 2013

A renuncia do lider

Li o excelente artigo do Prof. Stephen Kanitz (sou fã incondicional) Líderes Que Não Renunciam !  cujo pequenos trechos transcreverei aqui para ilustrar minha opinião:   

"Renúncia não é um evento inusitado. É coisa normal."  

"O que nos afeta hoje são os líderes brasileiros que não renunciam, apesar de estarem anos no poder." 

"Um verdadeiro líder precisa de menos de 5 anos para implantar as suas idéias pelas quais foi eleito, não 30. 

"Trinta anos atrapalha a geração de novas idéias e o progresso da classe."

Lembro que já falei em lideres em duas postagens no blog: 

 
 A liderança é movida desafios e projetos, não idéias soltas e sonhos que pensamos em realizar, temos um tempo de maturação para saber qual a viabilidade das realizações de seus ideais.

Voltemos ao futebol objeto do meu artigo Lider, professor ou chefe , treinadores são lideres que mesmo não entrando em campo, são os principais  responsaveis pelos resultados. 

Temos  vários exemplos de extremos no Brasil e mundo, treinadores sendo demitidos com dois jogos ou então treinadores que são mantidos na função há décadas, apesar de resultado desfavoraveis

Claro que estes ultimos são treinadores na Inglaterra, no caso os treinadores escocês Alex Ferguson (Manchester United)  e do francês Arsene Wenger (Arsenal). 

Renovação sempre leva a nova idéias e foram elas que tiraram o homem das cavernas. 

Imagine você se o primeiro homem das cavernas achasse que a vida dentro da caverna era o ideal e o fogo não serviria para nada, onde estariamos hoje?? 

Então louvemos que os antigos líderes instruam os novos lideres a assumir suas (novas) responsabilidades pelos (novos) caminhos, logo após passem adiante o bastão. A história com certeza agradecerá..

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por comentar, volte sempre!!!

Flickr Images

Uêba - Os Melhores Links